Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

flower smile on face

Sou o reflexo de todas as experiências que já passei e não sou perfeita, mas acredita que no fundo, tudo o que faço e digo vem sempre de coração! Bem vindo a esta "minha casa"...

flower smile on face

Sou o reflexo de todas as experiências que já passei e não sou perfeita, mas acredita que no fundo, tudo o que faço e digo vem sempre de coração! Bem vindo a esta "minha casa"...

Entre o Amor e a Paixão

IMG_7398.JPG

 

Vivenciar emoções é muito pessoal, além de essas mesmas emoções também poderem ser vividas de forma diferente, até porque cada um de nós também dá importância diferente a diferentes tipos de sentimentos.

 
Por exemplo, vamos falar do amor e da paixão...
 
Tanto o amor como a paixão são sentimentos muito fortes, são totalmente diferentes, mas não deixam de estar relacionados um com o outro.
 
A paixão num relacionamento é facilmente reconhecida pela sua intensa e às vezes irracional emoção, que na maior parte das vezes nos confunde ao distorcer os nossos próprios sentimentos e pensamentos e chega a alterar os nossos comportamentos...
 
Quando falamos de paixão, do estarmos apaixonados, falamos da atração física...
 
Consequentemente a paixão tem um "prazo", tão depressa chega, como tão depressa desaparece, é um estado fulminante que vicia, mas dura pouco e facilmente se desfaz! 
 
Ao contrário do amor, que é um sentimento estável e sereno, um sentimento que nos faz bem, não há descontrole, não há momentos de euforia e outros de queda, é um sentimento que nós próprios dominamos de forma serena e tranquila!
É um sentimento que vai muito para além da aparência física e sim damos mais valor á beleza interior da pessoa, aos seus valores, á sua personalidade e á sua autenticidade!
 
Mas calma, é possível que um relacionamento avance para além da fase da paixão!
 
Mas enganas-te se achas que o amor quando conquistado, está garantido para todo o sempre!
 
Primeiro, para que um relacionamento floresça é por isso importante que seja alimentado diariamente, é importante que nos mantenhamos empenhados em respeitar, em cuidar e a cima de tudo sermos sinceros um com o outro...
 
É tão fácil alimentar uma relação...basta querer! 
 
Por exemplo!
 
Alimenta com gestos de carinho...surpreende com detalhes, mas ao mesmo tempo aprecia as pequenas surpresas... 
 
Não tentes mudar a pessoa ou transforma-la no que queres que ela seja, aceita as suas características e os seus hábitos tão diferentes dos teus ou até mais irritantes, aceita as suas diferenças, ama as suas perfeições, mas também as suas imperfeições, ninguém é perfeito, todos temos imperfeições, não podemos querer mudar os outros nem querer impor condições ou querer forçar, precisamos querer amar as suas virtudes e os seus defeitos também e amar a pessoa pelo que é efectivamente!
Faz com que as diferenças valorizem e fortaleçam a relação... 
 
É importante que exista diálogo...tens de saber ouvir e ao mesmo tempo partilhares os teus medos, as tuas angústias, para melhor seres entendido...e é certo que a paixão cresce e a relação é mais feliz, quando esta barreira é removida!
 
Aprende a lidar com o ciúme! 
O ciúme é um sentimento instintivo á natureza humana e não só criam sentimentos de frustração e insegurança, como também podem ferir a nossa auto-estima! 
Por essa razão evita que o ciúme te invada, te transforme e em vez disso aproveita o ataque de ciúme para te auto-motivares, seja em mudança de visual, como até a fazeres exercício físico...e utiliza o ciúme como incentivo para cuidares mais de ti e tornares-te uma pessoa melhor, quer a nível físico, como mental!
 
Uma relação tem de ser alimentada diariamente e fugir á rotina...e garanto que quem se sente amado, acarinhado e sexualmente satisfeito, dificilmente sente aquele ciúme avassalador, porque se sente seguro na sua relação... 
Por isso toca a transformar o ciúme em gestos de carinho, em palavras de incentivo, em coisas positivas e cria amor na tua vida a dois!
 
Por fim, permite que na relação exista espaço para crescer, em sonhar na, e para a vida a dois e faz disso rotina diária, mas sempre com intenção de melhorar a vida a dois, pois não basta ler, muito pelo contrário, até porque é através da prática constante e diária que o amor cresce e nós nos mantemos felizes e realizados!
 
Entendes agora a diferença entre a paixão e o amor?
 
O amor não se alimenta de castelos de areia, nem de imaginação, não é um mar de rosas é verdade, mas somos efectivamente e verdadeiramente felizes! 
 
Queremos ver a outra pessoa bem e estarmos bem a seu lado, é uma troca mútua...e gostamos de verdade, independentemente da pessoa estar perfumada ou bem vestida.
 
Toca a cultivar...
 
Toca a sermos felizes...
 
Fica a dica...

1 comentário

Comentar post